janeiro 31, 2017

Em nota, ex-prefeito diz ter feito a transição e rebate acusações.

Raimundo Almeida em discurso quando prefeito.

Servidores do município de Lago Verde, ainda não receberam seus salários referentes ao mês de janeiro e segundo relata a nota divulgada pela atual gestão, o pagamento só será feito dia 03 de fevereiro

A referida  nota acusa o ex-prefeito de não ter feito a transição, além de omitir documentos necessários para o andamento da atual administração. Veja a nota Aqui.

Em contraponto Raimundo Almeida, ex-prefeito de Lago Verde, afirmou que entregou a Prefeitura com todas as documentações referentes aos dados financeiros do município.

"Foi feita a transição, dentro do que manda a lei e entregamos tudo do que é patrimônio público e o que é de informação documental, incluindo leis e decretos municipais, entregamos tudo. Temos o documento de transição assinado pela equipe de transição indicada por ele (atual prefeito) ", afirmou Raimundo Almeida.



Nota do ex-prefeito Raimundo Almeida

O ex-prefeito de Lago Verde, Raimundo Almeida, vem a público esclarecer fatos inverídicos que foram divulgados pela atual gestão, na tentativa espúria de escusar-se das responsabilidades administrativas que recaem sob um gestor municipal.

Ao contrario do que dizem em nota distribuída a imprensa, foi feita a transição, dentro do que manda a lei e entregamos tudo do que é patrimônio público e o que é de informação documental, incluindo leis e decretos municipais. Temos o documento de transição assinado pela equipe de transição indicada pelo  atual prefeito.

Portanto, Lago Verde é uma cidade que precisa superar grandes desafios, e não é politizando as ações da prefeitura com intuito de me atingir que conseguiremos uma cidade cada vez melhor. É hora de descer do palanque, de respeitar as preferências partidárias e governar para todos!

A não efetuação do pagamento dos servidores pela prefeitura não pode ser usado para me atingir politicamente e vou atribuir tal postura a inexperiência administrativa do prefeito e de sua assessoria, mas desejo que logo isso seja superado e que o novo governo foque na solução das demandas da sociedade.

Da assessoria do ex-prefeito Raimundo Almeida
31 de Janeiro de 2017


Aluna nota 1.000 no Enem é hackeada e matriculada em produção de cachaça.


Hackers invadiram o site do Ministério da Educação e alteraram as opções de cursos de estudantes


O site do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Ministério da Educação, foi hackeado na noite da segunda-feira (30) após terem sido divulgados os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem. Vários estudantes foram matriculados em cursos escolhidos pelos hackers. Tereza Gayoso, de 23 anos, nota máxima na redação do exame e que pretendia cursar medicina, soube nesta terça-feira (31) que havia sido matriculada em produção de cachaça, no Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, em Salinas. “Eu não consigo acreditar que fizeram essa ruindade comigo. “


Outro estudante afetado pela ação dos hackers, que disse não querer se identificar, teve seu registro matriculado em ciências sociais na Universidade Federal do Acre. “Acho triste eu precisar me preocupar com minha segurança em um site do governo”, afirmou. “O site do Ministério era para ser, teoricamente, seguro. "

Revista Época

Prefeitura de Lago Verde emite nota sobre o pagamento dos servidores


A Prefeitura de Lago Verde   afirmou que deve pagar o salário dos servidores no dia 03 de fevereiro, próxima sexta-feira. O esclarecimento foi feito após uma divulgação anônima dando conta que a prefeitura não tinha data prevista para realizar o pagamento dos efetivos do município, referente ao mês de janeiro.

Em nota de esclarecimento, a prefeitura afirma que os atos administrativos estão sendo realizados criteriosamente e que a gestão passada se negou em realizar o processo legal de transição de governo. A nota classificou de omissão de informação a  entrega dos documentos e leis que reagem a legalidade.

Segui a íntegra da nota:

 

E o piso dos professores será pago?



Prefeito Francisco Clidenor no ato de sua posse.

Em Lago Verde muito se tem comentado, principalmente no meio educacional sobre o novo valor do piso a ser pago a os professores da rede pública municipal, previsto para o mês de janeiro. Trata-se de um reajuste de 7,64% para professores que exercem a carga horária de 40   horas semanais.

Em recente postagem a FAMEM alertou aos gestores que não há a obrigatoriedade da concessão do reajuste de 7,64% aos professores, caso já esteja cumprindo o piso do magistério, determinado por meio da Portaria Interministerial nº. 31, 12 de janeiro de 2017.

Diante dos fatos, suje uma pergunta: a Prefeitura de Lago Verde irá pagar o valor estipulado pelo Ministério da Educação e conceder o reajuste salarial a os professores municipais de 40 horas, valor esse que passa de R$ 2.135,64 para R$ 2.298.80?

Em anos anteriores a novela do “piso” gerou uma série de fatores, um deles, foi uma greve   encabeçado pelo sindicato que representa a categoria no município. Uma luta árdua, que dividiu a opinião da sociedade, gerando uma série de prejuízos ao sistema educacional de Lago Verde.

Ao termino de tudo, prevaleceu o reajuste concedido pelo gestor, que mesmo criticado, adotou a medida de acordo com a necessidade do município na época. Porém, essa decisão segundo boa parte dos educadores, foi arbitraria e ditadorial, no que deu vez ao surgimento de um movimento politico forte, que mais tarde veio a somar com o grupo do prefeito eleito. O resultado foi a maior representatividade na câmara de vereadores e o controle do sistema de educação no município.

Há alguns dias de receberem seus vencimentos, uma ligeira dúvida paira sobre os educadores. O piso determinado pelo MEC será ou não pago?

Com a palavra do tempo...

Prefeitura de Lago Verde firma parceria com a Faculdade Evangélica do Meio Norte – FAEME



Na manhã deste domingo (29/01) se fez presente na Unidade Integrada Balão Mágico, o excelentíssimo Sr. Prefeito Municipal Francisco Clidenor juntamente com o Secretário Municipal de Fazenda e Planejamento Dr. Geyson, Coordenador Pedagógico Prof.º Gardson Costa, Coordenador do Curso de Filosofia Prof.º Osmar Rodrigues e o Coordenador Geral da (FAEME) Faculdade Evangélica do Meio Norte em Lago Verde o Prof.º Ronaldo Araújo.

Na ocasião todos os acadêmicos da turma de filosofia se fizeram presente, com o intuito de ouvir palavras de apoio e incentivo do Sr. Prefeito, onde o mesmo se colocou a disposição da turma, aproveitando para firmar compromisso com todos os acadêmicos. O mesmo foi um pedido da Vereadora e Prof.ª Rosângela que visando à melhoria na formação e qualificação dos professores do nosso município e vendo a dificuldade que se tem na conclusão de uma graduação, se colocou a disposição da turma juntamente com os vereadores e professores Leandro Cajado e Vera Lúcia para ajudar no que for possível junto à Administração Municipal.

Fazendo uso da palavra o Sr. Prefeito se sensibilizou com a situação dos acadêmicos, onde os mesmos estavam encontrando dificuldade para arcar com as mensalidades do curso. Vendo a necessidade o Sr. Prefeito se comprometeu diante de todos os acadêmicos, que irá arcar com todas as despesas do curso até o final do mesmo e formalizou parceria com a Instituição. Enfatizou ainda dizendo que, uma formação é sempre necessária para se ter uma educação de qualidade.

Os acadêmicos em forma de agradecimento ofereceram um café da manha ao prefeito e sua comitiva.

Com informações Portal Lago Verde

janeiro 30, 2017

Bacabal: TRF derruba liminar que tornou Zé Vieira Ficha Limpa e Roberto Costa deve assumir prefeitura





ze-vieira-bacabal




Marcelo Vieira- Depois de muita confusão, o ex-deputado Zé Vieira(PP) conseguiu ser empossado prefeito de Bacabal graças a uma decisão do juiz Marcelo Moreira, mas uma outra decisão, desta vez no TRF, deve colocar um ponto final nas pretensões Zé Vieira continuar na prefeitura. Com o fim do impasse, o deputado Roberto Costa (PMDB) deve ser empossado como novo prefeito do município.

A 6º turma do Tribunal Regional Federal, em Brasília, cassou a liminar que garantiu o direito de Zé Vieira de assumir o mandato de prefeito. A decisão foi proferida no dia 19 e só publicado no Diário Oficial da União no dia 25 deste mês.

A decisão surge às vésperas do julgamento do mérito pelo Tribunal Superior Eleitoral sobre o impedimento do ainda prefeito. Com Zé Vieira voltando a condição de Ficha Suja, o TSE certamente manterá a decisão de não validar seus votos nas eleições de outubro passado.

Quem deve comemorar é o deputado Roberto Costa, que após a decisão do TSE confirmando Zé Vieira fora do páreo, será empossado prefeito de Bacabal.



bac 1

bac 3




bac2